Noticias

Sandy confessa que quer ser tia

sandy e junior

Sabe quando alguém acaba de se casar, ainda está revivendo o “sim” na memória, aí vem aquela famosa pergunta que fica ecoando na cabeça por quase nove meses: “E o bebê, é pra quando?”. Se você já passou por isso, aqui vão dois motivos para te consolar: 1) Você casou… enquanto isso, muita gente ainda está à espera de um crush! 2) Sandy, que parece alheia a defeitos e problemas em qualquer das quatro estações, também já passou por essa pressão. Da experiência, ela tirou bons conselhos, que hoje repassa ao irmão Junior, casado há quase dois anos com Monica Benini.

“Eu quero muito ser titia. Mas eu não pressiono porque eu odiava ser pressionada. Fiquei cinco anos casada recebendo essa pressão de fora”, confessa a jurada do SuperStar. E doce ilusão pensar que a pressão termina quando chega o tão esperado primeiro filho do casal. “Aí, quando você tem o primeiro, perguntam quando vem o segundo, e se vem. Então, não o pressiono por causa disso. Mas quero muuuuito ser tia e ele já sabe disso”, conta.

A cantora opta por não pressionar por experiência própria, mas não é que ela não toque no assunto. Ela toca, mas com aquele jeitinho Sandy de falar, quase impossível de negar! “Eu falo: ‘Gente, pensa com carinho, não demora muito, não'”, diverte-se ela, que contrapõe: “Por outro lado, eu penso neles. Quero que eles façam o que é melhor para eles. Eu falo: ‘Não é porque eu quero ser tia e porque todo mundo quer outro bebezinho na família que vocês vão passar por cima do que é melhor para vocês'”.


Junior Lima e Monica

Fica a dica de Sandy

Até a chegada de Theo, em junho de 2014, Sandy e Lucas Lima já tinham aproveitado bastante o momento a dois nos cinco anos de casados. “A gente teve filho no momento em que a gente realmente sentiu que faltava alguma coisa. Foi sensacional”, recorda. E é essa mesma experiência que ela deseja ao irmão e à cunhada: “Falo para eles pensarem: o que querem fazer antes de ter um filho? Porque depois a vida muda da água para o vinho. Claro que muda para melhor, mas a gente tem que curtir cada fase do casal, esgotar todas as oportunidades”, aconselha.

Créditos.: GShow